Tudo sobre IMC

O IMC ou Índice de Massa Corporal é o padrão internacional de cálculo da obesidade de um indivíduo adotado pela OMS (Organização Mundial da Saúde), tendo como base a relação entre peso e altura.

Por ser um método simples, pode ser feito por qualquer pessoa, mas ele é usado especialmente na área da saúde, para fazer uma rápida identificação do grau de obesidade do paciente.

Mas, sozinho não consegue identificar o real quadro da pessoa, é apenas uma identificação rápida, pois não mede diretamente a gordura corporal, não contempla a massa magra, massa gorda, líquidos e a estrutura óssea da pessoa em questão.

Porém, é usado como indicativo para alguns procedimentos e tratamentos para o emagrecimento, como a colocação do balão intragástrico.

 

Como calcular o IMC

Calculadora a postos para você descobrir qual é o seu grau de obesidade, afinal é preciso ter apenas 2 dados: seu peso e altura.

Agora, basta dividir o peso (massa) pela sua altura ao quadrado. A massa deve ser definida em quilogramas (kg) e a altura em metros.

Um exemplo:

Uma pessoa que pesa 90 kilos e mede 1,65 metros terá como resultado um IMC de 27,3. De acordo com os dados de referência, esta pessoa apresenta um quadro de sobrepeso.

Neste caso, ela já se encaixaria para se submeter ao uso do balão intragástrico.

 

Variações e índices

O IMC não pode ser usado para calcular o grau de obesidade em crianças, pois o corpo ainda passará por grandes transformações, até chegar a fase adulta.

Também existem os dados de referências, que indicam se o indivíduo está abaixo do peso, com peso normal, sobrepeso, obesidade leve (Grau I), obesidade severa (Grau II) e obesidade mórbida (Grau III). Os números de referência irão variar de acordo com o sexo da pessoa.

Se quiser saber mais sobre seu quadro, lembre-se de procurar um médico ou nutricionista, eles poderão, além de fazer o cálculo do seu IMC, solicitar exames para identificar de modo amplo, qual a real situação da sua saúde.

Sem comentários

Comentar

Website Security Test